Condução coercitiva não significa culpa, diz Moro

Condução coercitiva não significa culpa, diz Moro
março 06 22:40 2016 Imprimir Este Artigo

 

BBqniZj

SÃO PAULO – Em nota divulgada neste sábado, o juiz federal Sergio Moro, responsável pela operação Lava Jato, afirmou que a condução coercitiva do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para depoimento não singnifica que o petista seja culpado.

“Essas medidas investigatórias visam apenas ao esclarecimento da verdade e não significam antecipação de culpa do ex-presidente. Cuidados foram tomados para preservar, durante a diligência, a imagem do ex-presidente”, afirma Moro.

Lula foi o principal alvo da mais recente fase da Operação Lava Jato, batizada de Aletheia. Agentes da Polícia Federal foram a sua casa, em São Bernardo do Campo (Grande São Paulo) e o levaram para prestar depoimento na Polícia Federal no aeroporto de Congonhas. O Instituto Lula e o sítio em Atibaia (SP) que o ex-presidente frequenta foram alvos de buscas.

“Lamenta-se que as diligências tenham levado a pontuais confrontos em manifestação políticas inflamadas, com agressões a inocentes, exatamente o que se pretendia evitar”, continua o juiz.

Moro se refere a confrontos entre simpatizantes e opositores de Lula em frente à casa do ex-presidente e ao aeroporto de Congonhas, onde manifestantes de ambos os lados chegaram à vias de fato.

Repercussão

A nota do juiz é apenas mais um capítulo da extensa repercussão que a operação Aletheia teve no país. Depois do depoimento à PF, o próprio presidente Lula usou os microfones na sede do PT para reclamar da atitude da PF e do Ministério Público. “Se queriam matar a jararaca, acertaram o rabo e não a cabeça”, afirmou.

Mais tarde, no sindicato dos bancários, o líder petita eua entender que poderia voltar a disputar eleições presidenciais.

Em Brasília, a presidente Dilma também se pronunciou contra a condução coercitiva do ex-presidente, que. segundo Dilma, sempre teria colaborado com as investigações.

Em São Bernardo do Campo, militantes favoráveis a Lula se aglomeraram na frente do prédio do ex-presidente. O presidente chegou a descer para um corpo a corpo antes de receber a presidente Dilma, que prometeu visitá-lo em ato de desagravo.

Enquanto isso, no mercado financeiro, analistas aumentavam as apostas de que o mandato de Dilma pode terminar antes de 2018, fazendo a bolsa ter uma alta acumulada de 18% na semana.

Ao mesmo tempo que a bolsa subia, o dólar caía e chegava aos menores valores do ano, fechando a R$ 3,75.

 

© Fornecido por Empiricus Consultoria e Negócios Ltda. Sergio Moro, juiz da Lava Jato (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil) msnnoticias.

Print this entry

  Article "tagged" as:
  Categories:

Ainda não há comentários

Você pode ser o único a iniciar uma conversa .

Adicione um comentário

Your data will be safe! Seu endereço de e-mail não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com terceira pessoa.
Todos os campos são obrigatórios.