Teste de Zika da Bahiafarma é bem avaliado e aprovado pelo Ministério da Saúde

setembro 10 14:29 2016 Imprimir Este Artigo

O teste rápido para detecção de Zika vírus da Bahiafarma, laboratório público baiano, conseguiu um dos melhores resultados registrados para esses dispositivos.

O kit foi submetido a uma rigorosa avaliação do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS), órgão ligado ao Ministério da Saúde, registrando índices de 97% de sensibilidade e 96% de especificidade para infecções recentes (IgM) e de 100% de sensibilidade e 98% de especificidade para infecções mais antigas (IgG).

“O resultado corrobora a avaliação feita pela Anvisa [Agência Nacional de Vigilência Sanitária], que já havia aprovado o dispositivo, ao publicar o registro para sua produção e distribuição, no fim de maio”, afirmou o diretor-presidente da Bahiafarma, Ronaldo Dias.

Com a aprovação pelos órgãos, o teste rápido de Zika vírus da Bahiafarma está liberado para aquisição, por parte do Ministério da Saúde, e distribuição pelo SUS em todo o País.