Ministro do TSE é denunciado no Supremo Tribunal Federal por violentar a esposa

Ministro do TSE é denunciado no Supremo Tribunal Federal por violentar a esposa
novembro 16 11:16 2017 Imprimir Este Artigo

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Admar Gonzaga, foi denunciado pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, no Supremo Tribunal Federal (STF), acusado de agredir a esposa em junho deste ano. A denúncia foi apresentada por Raquel Dodge nesta terça-feira (14).

A esposa do ministro, Élida Souza Matos procurou a 1ª Delegacia de Polícia do Distrito Federal no dia 23 de junho com um olho roxo para registrar um boletim de ocorrência pela agressão. Ela passou por exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) na época. Em outro depoimento no mesmo dia, Élida se retratou e negou as acusações de violência doméstica, mas o inquérito continuou.

De acordo com o site Congresso em Foco, Admar Gonzaga atribuiu a briga a uma crise de ciúmes de Élida, afirmando ainda que ela escorregou no enxaguante bucal que caiu no chão do banheiro e bateu o rosto na banheira. Ele anexou à sua defesa no caso fotos de arranhões supostamente provocados por Élida e admitiu que a empurrou, mas afirmou que o fez para se defender da esposa.

BN  Foto: Reprodução/ EBC

Print this entry

  Categories:

Ainda não há comentários

Você pode ser o único a iniciar uma conversa .

Adicione um comentário

Your data will be safe! Seu endereço de e-mail não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com terceira pessoa.
Todos os campos são obrigatórios.